Lendo e ouvindo a música

Desenhos de Jorge Queiroz da Silva

sexta-feira, 29 de junho de 2012

A visão tida em casa, confirmou o sucesso da cirurgia !


Extrairam a minha parótida direita, melhor dizendo, a minha glândula salivar direita, que estava com os seus canais obstruídos, fazendo com que minha saliva ao invés de se dirigir para a boca, se acumulava durante todos os mais de dez anos de entupimento, criando um enorme edema de quase duzentos gramas.
Ao terminar a operação, e no dia minha alta, eu agradecia à toda a equipe e pedia se podia levar para casa, meus exames com o resultado daquela tomografia computadorizada, que reunia pra mais de quatrocentas fotos de minha cabeça / pescoço, em diversas posições.
Os médicos disseram, que não poderiam me dar, porque a minha operação teria levado a cabo, a segunda maior parótida extraída no mundo, pois a maior até então, continuava pertencendo a uma extração feita na Índia.
Como com a minha cirurgia, o Brasil passava a ser o vice-campeão naquele tipo de intervenção, transformando-se num novo expoente naquele tipo de cirurgia, todo o processo daquela operação, seria transformado em material de aulas e estudos da UFF de Niterói.
O desfecho dessa história se deu quando eu lembrei que a minha mãe sempre me falava do espiritismo e da força espiritual, de um guia da corrente indiana cigana, o cigano Wladymir que era forte e excessivamente milagroso.
Em busca daquela verdade, chamei minha mulher e fomos procurar a imagem daquele cigano, em lojas especializadas em imagens de entidades e santos, e o encontramos ali, bem vestido à caráter, como eu imaginava, com um grande chapéu de abas largas, um lenço vermelho no pescoço, um chicote na mão direita e um longo par de botas pretas.
Para completar essa história, afirmo aqui que ele era a cara do meu salvador, o Dr. Wladymir, daquela equipe maravilhosa, que por sinal,tem o mesmo nome do famoso e histórico cigano.
Qualquer dia desses, faço questão de adquirir uma dessas estatuetas e presenteá-lo, como um grande mérito da fé de minha mãe e da sua sabedoria.
Aqui, o exalto, como um dos maiores médicos que já conheci em toda minha vida e lhe devo como homenagem essa minha grande admiração, pela sua competência e sensibilidade profissional.

Jorge Queiroz da Silva - agosto/2009)

Fonte da imagem:giselyartesa.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário